cao guia 1

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Já viu alguém com um cão de assistência em uma fila e se perguntou o que ele faz?  Os #cães-guia podem ajudar as pessoas com #deficiência em diversas maneiras, como é o caso dos cães-guia para pessoas cegas, ou ainda para buscar a sua roupa para fora da máquina de lavar roupa se você não conseguir.

Há um número de diferentes instituições de caridade de cães de assistência e organizações, até mesmo cães mais específicos que detectam flutuações do nível de açúcar em pessoas com diabetes.

O treinamento de cães leva muito tempo e muitas vezes é muito envolvido. Filhotes às vezes começam a treinar em seis a oito semanas de idade, já começam a se familiarizar com o ambiente e aprender comandos. Todos os cães de assistência credenciados fazem o mesmo teste inicial – um teste de acesso público. Eles também passam por treinamento que é específico para a deficiência da pessoa que estará ajudando.

Cães de assistência podem ter “mudanças de carreira”. Ao treinar para os #cães-guia, por exemplo, um cão que apresenta cheiro agudo pode ser recomendado para se tornar um cão de detecção médica, ou, por vezes, eles têm excelentes credenciais tanto como um cão-guia e um cão alerta, dando-lhes o potencial de ajudar alguém com as duas necessidades – uma pessoa cega com epilepsia, por exemplo.

Cães que ajudam as pessoas com ansiedade e outros problemas de saúde mental, estão começando a surgir no Reino Unido, no entanto são mais populares nos EUA, e poucos no Brasil. Há uma série de instituições de caridade e organizações que ajudam a fornecer cães de assistência a pessoas que podem necessitar deles.

BBCOuch

Compartilhar
Artigo anteriorPROGRAMAÇÃO DO CONGRESSO 25/09
Próximo artigoPROGRAMAÇÃO DO CONGRESSO 26/09
Hamilton Oliveira
Autor e idealizador do site, estudante de Administração, apaixonado por tecnologia assistiva, pipoca e cinéfilo, tetraplégico desde 2010, leitor assíduo, criei o blog em 2012 reunindo tudo que lia sobre deficiência e suas dificuldades.